sábado, 14 de novembro de 2009

O cristianismo e seus Pictogramas

Evolução do Cristianismo


Durante o segundo e quarto século os sábios gregos, os escribas judeus,hierofantes pagãos e sacerdotes egípicios todos contribuiram a ´fabulosa lenda de cristo´. A esperança comum realizava-se por uma vida após a morte, já não apenas para a elite mas para todos. Para Constantino a superstição era útil.


No início do século IV , a adoração de jesus cristo transformou-se um culto patrocinado pelo estado durante todo o império romano e foi partircularmente bem sucedida no Egipto.



AVE CAESAR!!!!




Aqueles olhos grandes, olhando fixamente, aquele queixo,onde eu já vi isso…

Constantino com 50 anos , e jc ganha a sua primeira face na arte sacra!




( assoalho de mosaico do século IV, St. Mary de Hinton, Dorset, Inglaterra)
Os primeiros cristão adoravam a imagem de Constantino...novas!!!



CRISTIANISMO A SUPER SÍNTESE:



Um deus messiânico salvador, prometendo um salvação pessoal - o produto final do sincretismo mediterrâneo do leste.

Caráter sintético, composto, combinando características de Serapis (rei e juiz), com o sábio grego (sabedoria, piedade), o Antinous (homem perfeito, sacrifício de protecção) e a variação romana do deus sol- Mitra.



O ingrediente vencedor dos cristãos era trazer este deus novo à vida ajustando o em uma representação histórica judaica, derrotada junto dos episódios plagiados da escritura do velho testamento[Tanak](sobre 400 citações diretas) e de bem desgastados motivos pagãos .



As várias ' biografias' (evangelhos) nunca foram harmonizados inteiramente; tomou sobre três séculos da violência mais ou menos agregar o sustentamento ' teologico' .



Apolo como deus solar em 2 ec


jc se aparenta com apolo em seu carro de fogo em mosaico do séc III



jc com vara de legislador,toga e pergaminho! despertando lázaro. em um sarcófago do III séc.



Sócrates ensinando -IV séc aec -Atenas


jc ensinando- IV séc ec sárcófago de Junius-Roma


Apolo o bom pastor-VI séc aec -Atenas



jesus bom pastor- IV séc ec


Antinous, séc IV com a cruz em uma mão– e as uvas de Dionysus na outra!
(SEncontrado em Antinoopolis, Egito. Staatliche Museen, Berlin)



jc pegando embalo no sacrifício humano de antinous ,séc VI/VII- coptic ,Egito-note as uvas!Note a semelhança deste com a imagem de antinous.



deus cordeiro?



No fim do VIII século, o papa Hadrian I (772-795) confirmou os decretos do VI Concílio de Constantinopla efetuado quase um século mais cedo e ordenou depois disso " a figura de um homem deve tomar o lugar de um cordeiro no cruz." Levou a cristandade oito séculos para desenvolver o símbolo ubíquo de seu salvador de sofrimento! Por 800 anos, seu cristo na cruz tinha sido um cordeiro. Se a carne e sangue reais de um jesus realmente crucificado, por que seria seu lugar na cruz usurpado por um cordeiro por tanto tempo?




sarcófago do VI séc...



E ainda em 1426...eu hein...o sacrifício humano de jc foi inserido bem depois ou é impressão minha?





NASCIMENTO INÉDITO OU NEM TANTO?


*Ukko, o Grande Espírito, que mora no céu, escolhe encarnar-se em Homem-Deus através da virgem Mariatta. Repudiada pelos pais, que não acreditam que continue virgem estando grávida, abriga-se num estábulo onde, numa manjedoura, nasce o Santo Menino. A lenda tem continuação: a determinada altura o Menino desaparece e Mariatta vai à sua procura; pede ajuda à estrela, mas esta não consegue ajudá-la; acontece o mesmo com a Lua; somente o Sol, com pena dela, lhe diz:“Acolá está a criança dourada;Lá repousa dormindo teu Santo-Menino,Encoberto pela água até à cintura,Escondido pelos caniços e juncos."

*Isís engravida do deus egípicio osíres de forma sobrenatural e concebea Hórus como deus-filho quesalvaria oEgito de suas aflições...





JC ATACA DE FILÓSOSFO DE NOVO:



jc de jovem filósofo grego, isserido no meio político, portando a coroa solar de Apolo , em mosaíco do séc VI




JC VAI À GUERRA


jc trajado feito um soldado romano, portando uma lança em forma de cruz, mosaíco do séc VI, Archiepiscopal Chapel, Ravenna



jc de guerreiro franco completo, séc VII -França




JC ESQUECE DE IR AO BARBEIRO


Agora com barba de rabino, e trcando a toga por um manto de monge,monastério mt.sinais séc VI


Aparece a cruz :


pregado na cruz , mas com o corpo desproporcional,Athlone, Ireland séc VII



Cruz de Osiris ou djed era um símbolo de resistência e importante no processo de transformação na forma espiritual que se teria no Além. Já existia antes de Móisés.






Selo de Orpheu Bakkos



Quem é mais antigo?



O NOME JESUS:



jesus não fazeria sentido no idioma hebraico : não há o som "j" na dicção das palavras em hebraico , e sabendo que "sus" = cavalo , ficaria algo como "cavalo de je"...



Daí vem os apologistas dizendo que seria Yeoshua...mas dai surgem consequências interessntes:




Pentagrama ocultista portando o mistério Yahshuha


Sim...os essênios ocultistas tinham este antigo mistério, o Tetragrama sagrado do Judaísmo era profanado se inserindo a letra Shin em seu centro...seria o simbolo do adão celeste a ser alcançado para se chegar a perfeição o grão mestre deste rito portanto recebia o título de Yahshuha Chrestos que é um híbrido dos títulos pelos quais eles chamavam o Iniciado que alcançasse a esfera de Tiphereth[no culto ao deus sol o termo significa "sol em miniatura" o nível mais alto de adoradores desta divindade], o Filho — ou seja, a "sephira" ou plano de consciência que no Sistema Maçon corresponde ao Grau de Adeptus Minor, e, no Rito Escocês, ao 33° grau .



hOJE A IMAGEM DO FILHO DE UM PAPA É QUE É ADORADO:


1520 Altobello Melone pinta Cesare Borgia, filho do Papa Alexander VI

E assim vai a cada época nova jc vai ganhando novas aparências e atributos dantes inexistentes, de acordo com a conveniência do jogo político -religioso da época em questão seriam muitas as comparações ainda a serem feitas...mas o material é tão vasto e os assuntos são tantos que para por aqui esta pequana sintese ilustrada...

video

sexta-feira, 6 de novembro de 2009

Sepher Yetzirah



SEPHER YETZIRAH

extraido versão :

Isidor Kalisch

para o português: por John Stone 2009

Sepher Yetzirah (ספר יצירה) é um texto antigo pertencente ao corpus da kabbalah judaica. O Livro Yetzirah é um dos remanescentes dos livros secretos hebraicos, um dos mais antigos e está ligado a literatura dos santuários e da carroagem, é uma das colunas secretas sobre a qual se baseia a kabbalah


CAPÍTULO I

SEÇÃO I

Yah,[ 1] o Senhor dos exércitos, o Deus vivo, Rei do Universo, Onipotente, Todos Iguais e Misericordioso, Supremo e exaltaram, que é Eterno, Sublime e mais-Santo, ordenou (formou) e criou o Universo em trinta e dois [2] caminhos [3]misteriosos de sabedoria por três [4] Sepharim, a saber: 1) S’for סְפָר; 2) Sippur סִפוּר e 3) Sapher סֵפֶר que são Nele um e o mesmo. Eles consistem de uma década[número 10] fora do nada e [5 ]de vinte e duas letras fundamentais. Ele dividiu as vinte e duas consoantes em três divisões: 1) três letras mães אִמֹות, ou primeiros elementos fundamentais; 2) sete duplas e 3) doze consoantes simples.

ספר יצירה . ‎

‏פרק ראשון ‎

‏משנה א

‏בִּשְׁלשִׁים וּשְׁתַּיִם נְתִיבוֹת פְּלִיאוֹת חָכְמָה הָקַק‎

‏יָהּ יְהוָֹה צְבָאוֹת אֱלהִׁים הַיִּים וּמֶלֶךְ עוֹלָם אֵל שַׁדַּי‎

‏רַחוּם וְחַנּוּן רָם וְנִשָּׂא שׁוֹכֵן עַד מָרוֹם וְקָדוֹשׁ שְׁמוֹ‎

‏וּבָרָא אֶת עוֹלָמוֹ בִשְׁלשָׁה סְפָרִים *בִּסְפָר וְסִפּוּר‎

‏וְסֵפֶר׃ עֶשֶׂר סְפִירוֹת בְּלִימָה וְעֶשְׂרִים וּשְׁתַּיִם‎

‏אוֹתִיּוֹת יְסוֹד׃ שָׁלשׁ אִמּוֹת וְשֶׁבַע כְּפוּלוֹת וּשְׁתֵּים‎

‏עֶשְׂרְה פְשׁוּטוֹת׃‎

‏*) נ״א. בְּסֵפֶר וְסוֹפֵר וְסִפוּר׃



SEÇÃO 2.


A década [número 10] fora do nada é análoga ao dos dez dedos dos pés (e), do corpo humano, paralelamente cinco a cinco, e em cujo centro é a aliança com o Único, pela palavra da língua e da rito de Abraão.

משנה ב . ‎

‏עֶשֶׂר סְפִירוֹת בְּלִימָה כְּמִסְפַּר עֶשֶׂר אֶצְבָּעוֹת‎

‏הָמֵשׁ כְּנֶגֶד חָמֵשׁ וּבְרִית יָחִיד מְכֻוֶּנֶת בְּאֶמְצַע‎

‏בְּמִלַּת הַלָּשׁוֹן וּבְמִלַּת הַמָּעוֹר׃


SEÇÃO 3.


Dez são os números fora do nada [zero], e não nove, dez e não onze. Compreender esta grande sabedoria, entender esse conhecimento [7], investigá-la e refletir sobre ela, tornam evidentes e levar [8] Criador para seu trono novamente.

‏משנה ג . ‎

‏עֶשֶׂר סְפִירוֹת בְּלִימָה עֶשֶׂר וְלאׁ תֵּשַׁע עֶשֶׂר וְלאׂ‎

‏אַחַת עֶשְׂרֵה הָבֵן בְּהָכְמָה וַחֲכַם בְּבִינָה בָּהוֹן‎

‏בָּהֶם זֵחֲקוֹר מֵהֶם וְהַעֲמֵד דָבָר עַל בּוֹרְיוֹ וְהוֹשֵׁב וְהוֹשֵׁב יוֹצֵר‎

‏עַל-מְכוֹנוֹ׃‎


SEÇÃO 4.


A década fora do nada tem a seguinte dez infinitos:

1) O início [9] infinito

6) A profundidade infinita

2) " fim "

7) " Leste "

3) " bom"

8) " Oeste "

4) " mau [10 ]"

9) " Norte "

5) " altura"

10) " Sul "

E o único Senhor D´us, o Rei fiel, sobre todas as regras da Sua santa morada para sempre.

משנה ד . ‎

עֶשֶׂר סְפִירוֹת בְּלִימָה מִדָּתָן עֶשֶׂר שֶׁאֵין לָהֶם‎

‏סוֹף עוֹמֶק רֵאשִׁית וְעוֹמֶק אַחֲרִית עוֹמֶק טוֹב וְעוֹמֶק‎

‏רָע עוֹמֶק רוֹם וְעוֹמֶק תֵּחֵת עוֹמֶק מִזְרַח וְעוֹמֶק‎

‏מַעֲרָב עוֹמֶק צָפוֹן וְעוֹמֶק דָרוֹם אָדוֹן יָחִיד אֵל מֶלֶךְ‎

‏נֱאֶמָן מוֹשֵׁל בְּבֻלָּם מִמְּעוֹן קָדְשׁוֹ עַד עֲדֵי עַד׃


SEÇÃO 5.


A aparência das dez esferas fora do nada é como um relâmpago, sendo um sem fim, Sua palavra está neles, quando eles vão e retornam, eles correm por sua ordem como um redemoinho e se humilham ante seu trono.


‏משנה ה . ‎

‏עֶשֶׂר סְפִירוֹת בְּלִימָה צְפִיָּיתָן כְּמַרְאֵה הַבָּוָק‎

‏וְתַכְלִיתָן אֵין לָהֶן קֵץ דְבָרוֹ בָהֶן בְּרָצוֹא וָשׁוֹב‎

‏וּלְמֵאֲמָרן כְסוּפָה יִרְדוֹפוּ וְלִפְנֵי כִסְאוֹ הֵם מִשְׁתַּהֲוִים׃


SEÇÃO 6

A década de existência fora do nada tem o seu final ligado ao seu início e seu início ligado ao seu final, assim como a chama é casado com a brasa viva, porque é o único Senhor e não há um segundo, e anterior. Tu queres contar? [11]

‏משנה ו . ‎

‏עֶשֶׁר סְפִירוֹת בְּלִימָה נָעוּץ סוֹפָן בַּתְּחִלָּתָן וּתְחִלָּתָן‎

‏בְּמוֹפָן כְּשַׁלְהֶבֶת קְשׁוּרָה* בְּגַחֶלֶת שֶׁאָדוֹן יָחִיד וְאֵין‎

‏לוֹ שֵׁנִי וְלִפְנֵי אֶחָד מַה אַתָּה סוֹפֵר׃‎

‏*) רַבֵּינוּ הַא״ נָאוֹן ז״ל כָּתַב בְּסֵפֶר הַקְּמִיצָה װ״ל בָּתַב בַּעַל סֵפֶר יְצִירָה בְּשַׁלְהֶנֶת שׁוֹרָה בְּנהֶלֶת׃



SEÇÃO 7.


Quanto ao número dez das esferas da existência fora do nada manter a tua língua de falar e tua mente de refletir sobre ele, e se a tua boca te convida para falar, e teu coração de pensar nisso, retorne! como se lê: "E os seres viventes corriam, e voltavam," (Ezequiel 1,14). e sobre isto [12] foi feito o pacto.

משנה ז . ‎

‏עֶשֶׂר סְפִירוֹת בְּלִימָה בְּלוֹם פִּיךָ מִלְּדַבֵּר וְלִבְּךָ‎

‏מִלְּהַרְהֵר וְאִם רָץ פִּיךָ לְדַבֵּךָ לְהַרְהֵר שׁוּב‎

‏לְמָקוֹם שֶׁלְכַּךְ נֶאֱמַר וְהַחַיּוֹת רָצוֹא וָשׁוּב וְאַל דָבָר‎

‏זֶה נִכְרַת בְּרִית׃

SEÇÃO 8.


A seguir estão as dez categorias de existência fora do nada:


1) O espírito do D´us vivo, louvado e glorificado seja o nome daquele que vive para toda a eternidade. A palavra
articulada do poder criativo, o espírito e a palavra são o que chamamos de Espírito Santo é o.
2) Ar emanado do espírito que com Ele formou e estabeleceu vinte e duas consoantes, energia. Três delas, no entanto, são letras fundamentais, ou mães, sete duplas e doze consoantes simples, daí o espírito é a primeiro.
3) Água Primitiva emanada do ar. Ele formou e por ela estabeleceu Bohu [14] (água, pedras),lama e barro, fazendo-os como um leito, os assentado como uma parede, e os cercando com uma muralha, os esfriando para que eles se tornassem pó, como se lê "Ele diz à neve (frio) sejas
terra." (Jó 37, 6.)
4) O fogo ou éter emanado da água. Ele estabeleceu por si o trono de glória, o Serafim e Ophanim, as santas
criaturas viventes e os anjos, e destes três Ele formou sua habitação, como se lê: "Quem fez de seus anjos, seus ministros um fogo flamejante". (Salmo 104, 4.) Ele selecionou três consoantes das mais simples que estão em segredo oculto as mãe ou três primeiros elementos: ש ״ מ ״ א, ar[א], água[מ] e éter ou fogo[ש]. Ele selou com espírito e prendeu-os a seu grande nome e selado com eles seis dimensões. [15 ]

‏משנה ח . ‎

‏עֶשֶׂר סְפִירוֹת בְּלִימָה אַחַת רוּחַ אֱלהִׁים הַיִּים‎

‏בָּרוּךְ וּמְבוֹרָךְ שְׁמוֹ שֶׁל חַי הָעוֹלָמִים קוֹל וְרוּתַ‎

‏וְדִבּוּר וְהוּא רוּתַ הַקּוֹדֶשׁ׃ שְׁתַּיִם רוּהַ מֵרוּתַ חָקַק‎

‏וְחָצַב בָּהּ עֶשְׂרִים וּשְׁתַּיִם אוֹתִיּוֹת יְסוֹד שָׁלשׁ אִמּוֹת‎

‏וְשֶׁבַע בְּפוּלוֹת וּשְׁתֵּים עֶשְׂרֵה פְשׁוּטוֹת וְרוּחַ אַחַת‎

‏מֵהֶן׃ שָׁלשׁ מַיִם מֵרוּחַ חָקַק וְחָצַב בָּהֶן (עֶשְׂרִים‎

‏וּשְׁתַּיִם אוֹתִיּוֹת) תּהׁוּ וָבהׁוּ רֶפֶשׁ יָטיט חָקְקָן כְּמִין‎

‏עֲרוּגָה הִצִיבָן* כְּמִין חוֹמָה סָכְכֵם** כְּמִין מַעֲזִיבָה‎

‏(וַיָּצַק עֲלֵיהֶם שֶׁלֶג וֲנֲעשֶׂה עָפָר שֶׁנֶאֶמַר כִּי לַשֶּׁלֶג‎

‏יאׁמַר הֱרִא אָרֶץ)׃ אַרְבַּע אֵשׁ מִמַּיִם הָקַק וְחָצַב בָּהּ‎

‏כִּסֵּא הַכָּהוֹד שְׂרָפִים וְאוֹפַנִּים? וְהַיּוֹת הַקּוֹדֶשׁ וּמַלְאֲכֵי‎

‏חַשָּׁרֵת וּמִשְּׁלָשְׁתָּן יָסַד מְעוֹנוֹ שֶׁנֶאֱמַר עוֹשֶׂה‎

‏מַלְאָכָיו רוּהוֹת מְשָׁרְתָיו אֵשׁ לוֹהֵט בִּירַר שְׁלשָה‎

‏אוֹתִיּוֹת מִן הַפְּשׁוּטוֹת בְּסוֹד שָׁלשׁ אִמּוֹת אֱ״מֶ״שׁ *** ‎

‏וְקָבֳעם בִּשְׁמוֹ הַגָּדוֹל וְהָתַם בָּהֶם שֵׁשׁ קְצָווֹת׃‎

‏*) נוסחא אחרינא׃ הָצְבָן׃‎

‏**) נ״א סִיבְבָן׃‎

‏***) יְש הּוֹסִיפ׃ הָתַם ווּהַ בְּעַד שָׁלשׁ׃


5) Ele selou [16] a altura e virou para cima, e selou com יהו
6) Ele selou a profundidade, e virou para baixo e selou com היו
7) Ele selou o leste e virou para a frente, e selou com ויה
8) Ele selou o oeste e virou para trás, e selou com והי
9) Ele selou o sul e virou para a direita, e selou com יוה
10) Ele selou o norte e virou para a esquerda, e selou com הוי

הָמֵשׁ חָתַם רוּם וּפָנָה לְמַעֲלָה וְחָתְמוֹ ביהו‎

‏שֵׁשׁ חָתַם תַּחַת וּפָנָה לְמַטָּה וְחָתְמוֹ בהיו‎

‏שֶׁבַע חָתַם מִזְרַח וּפָנָה לְפָנָיו וְחָתְמוֹ בויה‎

‏שְׁמוֹנָה חָתַם מַעֲרָב וּפָנָה לְאַחֲרָיו וְחָתְמוֹ בוהי‎

‏תֵּאַׁע חָתַם דָּרוֹם וּפָנָה לִימִינוֹ וְחָתְמוֹ ביוה‎

‏אֶשֶׂר חָתַם צָפוֹן וּפָנָה לִשְׂמאׁלוֹ וְחָתְמוֹ בהוי


SEÇÃO 9.


Estas são as dez esferas da existência fora do nada. A partir do espírito do Deus vivo emanaram ar, do ar, água, da água, o fogo ou o éter, do éter, a altura e a profundidade, o Leste e o Oeste, o Norte e o Sul.

‏משנה ט . ‎

‏אֵלוּ עֶשֶׂר סְפִירוֹת בְּלִימָה אַחַת ריּחַ אֱלהִים‎

‏חַיִּים רוּחַ מֵרוּחַ מַיִם מֵרוּחַ אֵשׁ מִמַּיִם רוּם וְתַחַת‎

‏מִזְרָח וּמַעֲרָב צָפוֹן וְדָרוֹם׃


CAPÍTULO II.

SEÇÃO 1.

Há vinte e duas letras, energia. Três delas, no entanto, são os primeiros elementos, os fundamentos ou as mães, sete duplas e doze consoantes simples. As três letras fundamentais א״מ״ש têm como base o equilíbrio. Em uma escala [17] é o mérito e na outra a criminalidade, que são colocados em equilíbrio com a língua. As três letras fundamentais א״מ״ש exprimem,tal como o מ é mudo parecendo a água e ש assobia parecendo o fogo, há א entre elas, um sopro de ar que as concilia.

פרק שני . ‎

‏משנה א .

‏עֶשְׂרִים וּשְׁתַּיִם אוֹתִיּוֹת יְסוֹד שָׁלשׁ אִמּוֹת וְשֶׁבַע‎

‏כְּפוּלוֹת וּשְׁתֵּים עֶשְׂרֵה פְשׁוּטוֹת שָׁלשׁ אִמּוֹת אֶ״מֶ״שׁ‎

‏יְסוֹדָן כַּף זְכוּת וְכַף חוֹבָה וְלָשׁוֹן חָק מַסְרִיעַ בִּנְתַּיִם‎

‏שָׁלשׁ אִמּוֹת אֶ״מֶ״שׁ מ׳ דוֹמֶמֶת שׁ׳ שׁוּרֶקֶת א׳ אַוֵּיר‎

‏רוּחַ מַכְרִיעַ בִּנְתַּיִם׃


SEÇÃO 2.


As vinte e duas letras que formam a energia depois de terem sido nomeadas e estabelecida por D´us, Ele as combinou,as pesou e as mudou, formado por elas todos os seres que estão na existência, e todos aqueles que serão formados em todos os tempos vindouros.

‏משנה ב . ‎

‏עֶשְׂרִים וּשְׁתַּוִם אוֹתִיּוֹת יְסוּד חָקְקָן חָצְבָן צָרְפָן‎

‏שָׁקְלָן וְהֵמִירָן וְצָר בָּהֶם אֶת כָּל הַיְּצוּר וְאֶת כָּל‎

‏הֶעָתִיד לָצוּר׃

SEÇÃO 3.


Ele estabeleceu vinte e duas letras, energia, pela voz, formada pelo sopro de ar e as fixou em cinco lugares na boca humana, a saber:

1) guturais, א ה ח ע

2) palatais, ג י כ ק

3) linguais, ד ט ל נ ת

4) dentais, ז ש ס ר ץ

5) labiais, ב ו מ ף

משנה ג . ‎

‏עֶשְׂרִים וּשְׁתַּיִם אוֹתִיּוֹת יְמוֹד חָקְקָן בְּקוֹל חָצְבָן‎

‏בְּרוּחַ קָבְעָן בְּפֶה בְּחָמֵשׁ מְקוֹמוֹת אוֹתִיּוֹת אַהֲחַ׳ע‎

‏בְּגָרוֹן גִיכַ״ק בְּחֵיךְ רַטְלְנַ״ת בְּלָשׁוֹן זְשַׁסְרָ״ץ בְּשְׁנַּיִם‎

‏בּוּמָ״ף בִּשְׂפָחַוִם׃‎


SEÇÃO 4.


Ele fixou as vinte e duas letras, energia, sobre a esfera parecida com uma parede de duzentos e trinta e um portões, [18] e virou as esferas para a frente e para trás. Para uma ilustração pode servir as três letras, ע נ ג . Não há nada melhor do que a alegria, e nada pior do que a tristeza ou praga. [19]

‏משנה ד . ‎

‏עֶשְׂרִים וּשְׁתַּיִם אוֹתִיּוֹת יְסוֹד קֳבְאָן בְּגַלגֲּל בְּמִין‎

‏חוֹמָה בְּרל׳א שְׁעָרים וְחוֹוְר הַגַּלְגַּלִּים פָּנִים וְאָחוֹר‎

‏וְסִימָן לְרָבָר אְין בְּטוֹבָה לְמַעֲלָה מְעׂנֶג וְאֵין בְּרָעָה‎

‏לְמַטָּה מִנֶּגַע׃

SEÇÃO 5.


Mas como isso foi feito? Ele combinou, pesou [20] e mudou: o א com todas as outras letras que sucedem, e todos os outros novamente com א; ב com tudo, e tudo outra vez com ב, e assim toda a série de letras. [21] Daqui resulta que existem duzentos e trinta e uma [22] formações, e que cada criatura e cada palavra emanava de um nome. [23]

‏משנה ח . ‎

‏בְּיצַד צָרְפָן שָׁקְלָן וְהֵמִירָן א עִם כֻּלָּן וְכֻלָּן עִם א‎

‏ב עִם כֻּלָּן וְכֻלָּן עִם ב נְחוֹוְרוֹת חָלילָה וְנִמְצָאוֹת‎

‏בְּרל״א שְׁעָרִים וְנִמְצָא כָל הַיְּצוּר וְכָל הַדּבּוּר יוֹצֵא‎

‏מִשֵּׁם* אֶחָד׃‎

‏*) נ״א בְּשֵׁם׃

SEÇÃO 6.


Ele criou uma realidade a partir do nada, chamando a nulidade para a existência e fundando, por assim dizer, pilares colossais do ar intangível. Isso tem sido demonstrado pelo exemplo de combinar a letra א com todas as outras letras, e todas as outras letras com Aleph (א). Ele [24] pré-determinou, e pela fala criou cada criatura e cada palavra por um nome. Para uma ilustração pode servir as vinte e duas substâncias elementares pela substância primitiva de [25] Aleph (א).

‏משנה ו . ‎

‏יָצַר מַמָּשׁ מִתּשׁ מִתּהׁוּ וְעָשָׂה אֶת אֵינוֹ יֶשְׁנוֹ וְחָצַב‎

‏עֲמוּדִים גְּדוֹלִים מֵאַוִּיר שֶׁאֵינוֹ נִתְּפַם וְוֶה סִימָן אוֹת‎

‏א עִם כֻּלָּן נְכֻלָּן עִם א צוֹפֶה וּמֵימַר וְעָשָׂה אֶת כָּל‎

‏הַיְּצוּר וְאֶת כָּל הַדּבּוּר שְׁם אֶחָד וְסִימָן לְדָבָר‎

‏עֶשְׂרִים וּשְׁתַּיִם חֲפֵצִים בְּגוּף א׃‎


CAPÍTULO III.


SEÇÃO 1.


Os três primeiros elementos,
א״מ״ש são caracterizadas por um equilíbrio, em uma na escala de mérito e a outra na da criminalidade, que são colocados em equilíbrio com a língua. Essas três mães, א״מ״ש são um grande mistério, maravilhoso e desconhecido, e são fechados por seis anéis de [26], ou círculos elementares, a saber: ar, água e fogo emanava deles, o que deu origem a progenitores, e estes progenitores deram à luz novamente para alguns descendentes.

פרק שלישי . ‎

‏משנה א .

‏שָׁלשׁ אִמּוֹת אֱ״מֶ״שׁ יְסוֹדָן כַּף זְכוּת וְכַף חוֹבָה‎

‏וְלָשׁוֹן חָק מַכְרִיעַ בִּנְתַּיִם שָׁלשׁ אִמּוֹת אֱ״מֶ״שׁ סוֹד‎

‏גָדוֹל מוּפְלָא וּמְכוּסָה וְחָתוּם בְּשֵׁשׁ טַבָּעוֹת וְיָצְאוּ * ‎

‏מְהֶם אַוְּיר וּמַיִם וְאֵשׁ וּמְהֶם נוֹלְדוּ אָבוֹת וּמְאָכוֹת‎

‏תּוֹלְדוֹת׃‎

‏*) נ״א וּמִּמֶנוּ יוֹצְאִים אֵשׁ וּמַיִם וּמִתְתַלְקִים זָכָר וּנֲקבָה שָׁלשׁ אִמּוֹת‎

‏אֱ״מֶ״שׁ יְסוֹרָן וּמְהֶן נוֹלְוּ אָבוֹת שֶׁמִמֶּנוּ נִבְרָע הַבּל׃‎


SEÇÃO 2.


D´us designou e estabeleceu as três mães
א״מ״ש combinado, pesando e mudando, e formado por eles três mães א״מ״ש no mundo, no ano e no homem, macho e fêmea.

משנה ב . ‎

‏שָׁלשׁ אִמּוֹת אֱ״מֶ״שׁ חָקְקָן חָצְבָן צָרְפָן שָׁקְלָן‎

‏וְהֵירָן וְצָר בָּהֶם שָׁלשׁ אִמּוֹת אֱ״מֶ״שׁ בָּעוֹלָם וְשָׁלשׁ‎

‏אִמּוֹת אֱ״מ״שׁ בְּשָׁנָה וְשָׁלשׁ אִמּוֹת אֱ״מ״שׁ בְּנֶפֶשׁ‎

‏זָכָר וּנְקֵבָה׃


SEÇÃO 3

As três mães א״מ״ש no mundo são: ar, água e fogo. Céu foi criado a partir do fogo ou éter, a terra (composto por mar e terra), a partir da água elementar, e o ar atmosférico do ar elementar, ou espírito, que estabelece o equilíbrio entre eles.

‏משנה ג . ‎

‏שָׁלשׁ אִמּוֹת אֱ״מ״שׁ בָּעוֹלָם אַוֵּיר וּמַיִם וְאֵשׁ שָׁמַיִם‎

‏נִבְרָאוּ מֵאֵשׁ וְאֶרֶץ נִבְרַאַת מִמַּיִם וְאַוִּיר מֵרוּהַ‎

‏מַכְרִיעַ בִּנְתַּיִם׃

SEÇÃO 4.


As três mães
א״מ״ש produzem nos anos [27]: calor, frio e umidade [28]. Calor foi criado a partir do fogo, a frieza da água, e a umidade do ar que os equaliza.

‏‏משנה ד . ‎

‏שָׁלשׁ אִמּוֹת אֱ״מֶ״שׁ בַּשָּׁנָה חוֹם וְקוֹר וּרְוִיָּה חוֹמ‎

‏נִבְרָא מֵאֵשׁ קוֹר נִבְרָא מִמַּיִם וּרְוִיָּהַ מַכְרִיעַ‎

‏בִּנְתַּוִם׃

SEÇÃO 5.

As três mães א"מ "ש produzem no homem, macho e fêmea, o peito, o corpo e a cabeça. A cabeça foi criada a partir do fogo, o peito da água, e o corpo do ar, o que os coloca em equilíbrio.

‏משנה ה . ‎

‏שַׁלשׁ אִמּוֹת אֱ״מֶ״שׁ בְּנֶפֶשׁ זָכָר נּנְקֵבָה רֹאשׁ וּבֶטֶן‎

‏וּגְוִיָּה רֹאשׁ נִבְרָא מֵאֵשׁ וּבֵטֵן נִבְרָא מִמַּרִם וּגְויָּה‎

‏מֵרוּהַ מַכְרִיעַ בִּנְתַּיִם׃‎


SEÇÃO 6.


PRIMEIRA DIVISÃO. Deus deixou a letra. Aleph (א) predominar na atmosfera primitiva, coroou-la [29], e a combinado umas com as outras [30], e formando por elas o ar no mundo, a umidade no ano, e o peito no homem, macho e fêmea, no macho por א"מ "ש e na fêmea por א"ש" מ

משנה ו . ‎

‏בָּבָא א. הִמְלִיךְ אוֹת א׳ בְּרוּהַ וְקָשַׁר לוֹ כֶתֶר‎

‏וְצָרְפָן זֶה בָזֶה וְצָר בָּהֶם אַוִּיר בָּעוֹלָם רְוִיָּה בְּשָׁנָה‎

‏גְוִיָּה בְּנֶפֶשׁ זָכָר בְּעֱ״מֶ״שׁ וּנְקֵכָה בְּאָ״שָׁ״ם׃


SEÇÃO 7.


SEGUNDA DIVISÃO. Ele deixou a letra Mem (מ) predominar na água primitiva, coroou-la, combinando umas com a outras, e formado por elas a terra, (incluindo terra e mar) o frio do ano, e a barriga no macho e fêmea ; no macho por [31] ‏א״מ״ש״ , e na fêmea por: מ״ש״א

משנה ז . ‎

‏בָּכָא ב. הִמְלִיךְ אוֹת מ׳ בְּמַיִם וְקָשַׁר לוֹ כֶתֶר‎

‏וְצָרְפָן זֶה בָזֶה נְצָר בָּהֶם אֶרֶץ בָּעוֹלָם וְקוֹר בַּשָׁנָה‎

‏וּבֶטֶן בְּנֶפֶשׁ זָכָר בְּאֱ״מֶ״שׁ* וּנְקֵכָה בְּמַ״שָּׁ״א׃‎

‏*) נ״א בְּמֵ״אֵ״שׁ׃


SEÇÃO 8.


TERCEIRA DIVISÃO. Ele deixou a letra Sheen (ש) predominar no fogo primitivo, coroou-la,e combinando umas com as outras, e formado por elas, o céu do mundo, o calor no ano, e a cabeça do macho e da fêmea. [32]

משנה ח . ‎

‏בָּבָא ג. הִמְלִיךְ אוֹת שׁ׳ בְּאֵשׁ וְקָשַׁר לוֹ כֶתֶר‎

‏וְצָרְפָן זֶה בָזֶה וְצָר בָּהֶם שָׁמַיִם בָּעוֹלָם וְחוֹם בְּשָׁנָה‎

‏וְרֹאשׁ בְּנֶפֶשׁ זָכָר וּנְקֵבָה׃

CAPÍTULO IV.
SEÇÃO 1.


As [33] sete letras duplas, בגד כפרת‎ com uma duplicidade de pronúncia, aspiradas e não aspiradas, a saber: ,‏תּת‎ ,‏רּר‎ ,‏פּפ‎ ,‏כּכ‎ ,‏דּד‎ ,‏גּג‎ ,‏בּב servir como um modelo de suavidade e dureza, força e fraqueza.

פרק רביעי . ‎

‏משנה א .

‏שֶׁבַע כְּפוּלוֹת בְּגַ״ד כַּפְרַ״ת מִתְנַהֲגוֹת בִּשְׁתֵּי‎

‏לְשׁוֹנוֹת בּ״ב גּ״ג דּ״ד כּ״כ פּ״פ רּ״ר תּ״ת תַּבְנִית‎

‏רַךְ וְקָשָׁה גִבּוֹר וְחָלָשׁ׃

SEÇÃO 2.


Sete [34]letras duplas, בגד כפרת devem, por assim dizer, simbolizam a sabedoria, riqueza, fecundidade, a vida, o domínio, a paz e a beleza.

‏משנה ב . ‎

‏שֶׁבַע כְּפוּלוֹת בְּגַ״ד כַּפְרַ״ת יְסוֹדָן הָכְמָה וְעוֹשֶׁר‎

‏וְרֱע וְהַיִּים וּמֶמְשָׁלָה שָׁלוֹם וְחֵן׃


SEÇÃO 3.


Sete letras duplas servem para indicar a antítese do que a vida humana está exposta. A antítese da sabedoria é loucura; de riqueza, pobreza; de fecundidade, esterilidade; da vida, morte; de dominío, dependência; de paz, guerra e da beleza, da feiúra.

משנה ג . ‎

‏שֶׁבַע כְּפוּלוֹת בְּגַ״ד כַּפְרַ״ת בְּרִבּוּר וּבִתְמוּרָה‎

‏תְּמוּרַת חָכְמָה אִוֶּלֶת תְּמוּרַת עשֶׁר עוֹנִי תְּמוּרַת‎

‏זֶרַע שְּׁמָמָה תְּמוּרַת הַיִּים מָזֶת תְּמוּרַת מֶמְשָׁלָה‎

‏עַבְדוּת תְּמוּרַת שָׁלוֹם מִלְחָמָה תְּמוּרַת חֵן כִּיעוּר׃

SEÇÃO 4.
As sete consoantes duplas são análogas às seis dimensões: altura e profundidade, Leste e Oeste, Norte e Sul, e o Templo Sagrado que fica no centro, é que comporta todas elas.

משנה ד . ‎

‏שֶׁבַע בְּפוּלוֹת בְּגַ״ד כַּפְרַ״ת מַעֲלָה וּמַטָּה מִוְרָח‎

‏וּמַעֲרָב צָפוֹן וְדָרוֹם וְהֵיכַל הַקּוֹרֶשׁ מְכֻוָּן בְּאֶמְצַע‎

‏וְהוּא נוֹשֵׂא אֶת כֻּלָּן׃‎

SEÇÃO 5.


As consoantes duplas são sete, בגד כפרת e não seis, são sete e não oito, reflita sobre este fato, indague sobre isto, e torne-o tão evidente, que [35] o Criador fica reconhecido sobre o Seu Trono novamente.

משנה ה . ‎

‏שֶׁבַע כְּפוּלוֹת בְּגַ״ד כַּפְרַ״ת שִׁבְעָה וְלאִׁ שִׁשָּׁה‎

‏שִׁבְעָה וְלאׁ שְׁמוֹנָה בָּחוֹן בָּהֶם וַחֲקוֹר בָּהֶם וְהַעֲמְד‎

‏דָבָר עַל בּוֹרְיוֹ וְהוֹשְׁב יוֹצְר עַל מְכוֹנוֹ׃

SEÇÃO 6.


As sete consoantes duplas, energia, tendo sido concebidas e estabelecidas, combinadas, pesadas, e mudadas por D´us, Ele formou por elas: sete planetas do mundo, sete dias do ano, sete portas, as aberturas dos sentidos, no homem, macho e fêmea.

משנה ו . ‎

‏שֶׁבַע כְּפוּלוֹת בְּגַ״ד כַּפְרַ״ת יְסוְד חָקְקָן חָצְבָן צָרְפָן‎

‏שָׁקְלָן וְהֵמִירָן וְצָר בָּהֶם שִׁבְעָה כּוֹבָבִים בָּעוֹלָם‎

‏שִׁבֳעה יָמִים בְּשָׁנָה שִׁבְעָה שְׁעָרִים בְּנֶפֶשׁ זָכָר‎

‏וּנְקֵבָה׃

SEÇÃO 7.


Os sete planetas do mundo são: [36] como Saturno, Júpiter, Marte, Sol, Vênus, Mercúrio, Lua. Sete dias no ano são os sete dias da semana, sete portões no homem, macho e fêmea, são: dois olhos, duas orelhas, duas narinas e boca.

‏משנה ז . ‎

‏שִׁבְעָה כּוֹכָכִום בָּעוֹלָמ שַׁבְּתַי צֶדֶק מַאֲדִים חַמָּה‎

‏נגַהּ כּוֹכָב לְבָנָה שִׁבְעָה יָמִים בְּשָׁנָה שִׁבְעָה יְמֵי‎

‏הַשָּׁבוּעַ שִׁבְעָה שְׁעָרִים בְּנֶפֶשׁ זָכָר וּנְקֵבָה שְׁתֵּי‎

‏עֵינַיִם שְׁתֵּי אָזְנַיִם שְׁנֵי נֵקְכֵי הָאַף וְהַפֶה׃

SEÇÃO 8.


PRIMEIRA DIVISÃO. Ele deixou a letra ב predominar na sabedoria, coroou-la, combinando umas com as outras e é constituído por elas: a Lua no mundo, o primeiro dia do ano, e no olho direito do homem, masculino e feminino.

משנה ח . ‎

‏בָּבָא א. הִמְלִיךְ אוֹת ב׳ בְּהָכְמָה וְקָשַׁר לוֹ כֶתֶר‎

‏וְצָרְפְן זֶה בָזֶה וְצָר בָּהֶם לְבָנָה בָּעוֹלָם יוֹם רִאשׁוְן‎

‏בְּשָׁנָה וְעֵין יְמִין בְּנֶפֶשׁ זָכָר וּנְקֵבָה׃

SEÇÃO 9.

SEGUNDA DIVISÃO. Ele deixou a letra ג predominam na riqueza, coroou -la, combinando umas com as outras, e formado por elas: Marte no mundo, o segundo dia do ano, e na orelha direita do homem, masculino e feminino.

משנה ט . ‎

‏בָּבָא ב. הִמְלִיךְ אוֹת ג׳ בְּעוֹשֶׁר וְקָשׁר לוְ כֶתֶר‎

‏וְצָרְפָן זֶה מָזֶה וְצָר בָּהֶם מַאֲדִים בָּעוֹלָם יוֹם שְׁנִי‎

‏בְּשָׁנָה וְאׂזֶן יְמִין בְּנֶפֶשׁ זָכָר וּנְקֵבָה׃

SEÇÃO 10.


TERCEIRA DIVISÃO. Ele deixou a letra ד predominar na fecundidade, coroou-la, combinando umas com as outras, e formado por elas: o sol no mundo, no terceiro dia do ano, a narina direita no homem, macho e fêmea.

משנה י . ‎

‏בָּבָא ג. הִמְלִיךְ אוֹת ד׳ בִּזְרוֹעַ וְקָשַׁר לוֹ כֶתֶר‎

‏וְצָרְפָן זֶה בָזֶה וְצָר בָּהֶם חַמָּה בָּעוֹלָם יוֹם שְׁלִישִׁי‎

‏בְּשָׁנָה וּנְחִיר יְמִין בְּנֶפֶשׁ זָכָר וּנְקֵבָה׃

SEÇÃO 11.


QUARTA DIVISÃO. Ele deixou a letra כ predominar na vida, coroou-la, combinando umas com as outras, e formado por elas: Venus no mundo, no quarto dia do ano, e do olho esquerdo no homem, macho e fêmea.

משנה י״א . ‎

‏בָּבָא ד. הִמְלִיךְ אוֹת כ׳ בְּהַיִּים וְקָשַׁר לוֹ כֶתֶר‎

‏וִצָרְפָן זֶה כָוֶה וְצָר בָּהֶם נוֹגַהּ בָּעוֹלָם יוֹם רְבִיעִי‎

‏בְּשָׁנָה וְאזֶֹן שְׂמֹאל בְּנֶפֶשׁ זָכָר וּנְקֵבָה׃

SEÇÃO 12.

QUINTA DIVISÃO. Ele deixou a letra פ predominar no domínio, coroou-la, combinando umas com as outras, e formado por elas: Mercúrio no mundo, o quinto dia do ano, e na orelha esquerda no homem, macho e fêmea.

משנה י״ב . ‎

‏בָּבָא ה. הִמְלִיךְ אוֹת פ׳ בְּמֶמְשָׁלָה וְקָשַׁר לוֹ כֶתֶר‎

‏וְצָרְפָן זֶה בָזֶה וְצָר בָּהם כּוֹכָב בָּעוֹלָם יוֹם הֲמִישִׁי‎

‏בְּשָׁנָה וְאזֶֹן שְׂמֹאל בְּנֶפֶשׁ זָכָר וּנְקֵבָה׃


SEÇÃO 13.

SEXTA DIVISÃO. Ele deixou a letra ר predominar na paz, coroou-la, combinando umas com as outras, e formado por elas: Saturno no mundo, o sexto dia do ano, e a narina esquerda do homem, masculino e feminino.

משנה י״ג . ‎

‏בָּבָא ו. הִמְלִיךְ אוֹת ר׳ בְּשָׁלוֹם וְקָשַׁר לוֹ כֶתֶר‎

‏וְצָרְפָן זֶה בָזֶה וְצָר בָּהֶם שַׁבְּתַי בָּעוֹלָם יוִם שִׁשִּׁי‎

‏בְּשָׁנָה וּנְחִיר שְׁמֹאל בְּנֶפֶשׁ זָכָר וּנְקֵבָה׃

SEÇÃO 14.


SÉTIMA DIVISÃO. Ele deixou a letra ת predominar na beleza, coroou-la, combinando umas com as outras, e formado por elas: Júpiter, no mundo, o sétimo dia do ano, e da boca do homem, masculino e feminino.

משנה י״ד . ‎

‏בָּבָא ז. הִמְלִיךְ אוֹת ת׳ בְּחֵן וְקָשַׁר לוֹ כֶתֶר‎

‏וְצָרְפָר זֶה בָזֶה וְצָר בָּהֶם צֶדֶק בָּעוֹלָם יוֹם שַׁבָת‎

‏בְּשָׁנָה וּפֶה בְּנֶפֶשׁ זָכָר וּנְקֵבָה׃

SEÇÃO 15.


Pelos sete consoantes duplas,
בגד כפרת‎ também foram projetados os sete mundos (αἰῶνες), sete céus, sete terras, (provavelmente climas) sete mares, (provavelmente em volta da Palestina), sete rios, sete desertos, sete dias da semana, sete semanas da Páscoa ao Pentecostes, há um ciclo de sete anos, o sétimo é o ano da remissão, e após sete anos de remissão é o Jubileu. Portanto, D´us ama o número sete em todo o céu. [37] (em toda a natureza.)

משרה ט״ו . ‎

‏שֶׁבַע בְּפוּלוֹת בְּגַ״ד כַּפְרַ״ת שֶׁבָּקָקִין שִׁבְעָה‎

‏עוֹלָמוֹת שִׁבְעָה רְקִיעִין שִׁבְעָה אֲרָצוֹת שִׁבְעָה יַמִּים‎

‏שִׁבְעָה נְהָריִת שִׁבְעָה מִדְבָּרוֹת שִׁבְעָה יָמִים שִׁבְעָח‎

‏שְׁבוּעוֹת שִׁבְעָה שָׁנִים שְׁבְוָה שְׁמִיטִין שִׁבְעָה יוֹבְלוֹת‎

‏לְפִיכָךְ הִבַּב אֶת הַשְּׁבִיעִיּוֹת תַּחַת כָּל הַשָּׁמָים

SEÇÃO 16.


Duas pedras constrem duas casas, três pedras constroem seis casas, quatro constroem vinte-quatro casas, cinco constroem cento e vinte casas, seis constroem setecentas e vinte e sete constroem cinco mil e quarenta [38] casas. A partir daí,vá e conte o que a boca não pode expressar e o ouvido não pode ouvir.

משנה ט״ז . ‎

‏שְׁתֵּי אֲבָנִים בּוֹנוֹת שְׁנֵי בָתִּים שָׁלשׁ אֲבָנִים‎

‏בּוֹנוֹת שִׁשָּׁה בָתִּימ אַרְבַּע אֲבָנִים בּוֹנוֹת אַרְבָּעָה‎

‏וְעֶשְׁרִים בָּתִּים חָמֵשׁ אֲבָנִים בּוֹנוֹת מֵאָה וְעֶשְׂרִים‎

‏בָּתִּים שֵׁשׁ אֲבָנים בּוֹנוֹת שְׁבַע מֵאוֹת וְעֶשְׂרִים‎

‏בָּתִּים שֶׁבַע אֲבָנִים בּוֹנוֹת חֲמֵשֶׁת אֲלָפִים‎

‏(וארבע) וְאַרְבָּעים בָּתִּים מִכַּאַן וְאֵילֵךְ צֵא וֲחַשׁוֹב‎

‏מַה שֶׁאֵין הַפֶּה יְכוֹלָה לְדַבֵּר וְאֵין הָאזֶֹן יְכוֹלָה‎

‏לשְׁמוֹע׃

CAPÍTULO V.

SEÇÃO I.

As doze letras simples
‏ה״ו״ז ח״ט״י ל״נ״ם ע״צ״ק simbolizam, por assim dizer, os órgãos de falar, pensar, andar, ver, ouvir, trabalhar, reprodução, olfato, sono, raiva, deglutição e riso.

פרק חמישי . ‎

‏משנה א . ‎

‏שְׁתֵּים עֶשְׁרֵה פְשׁוּטוֹת הו״ז חט״י לנ״ם עצ״ק‎

‏יְסוֹדָן שִׁיחָה הִרְהוּר הִלּוּךְ רְאִיָּה שְׁמִיעָה מַעֲשֶׂה‎

:‏תַּשְׁמִישׁ רֵיחַ שֵׁינָה רוֹגֶז לְעִיטָה שְׂחוֹק

SEÇÃO 2.


Os doze consoantes simples
‏ה״ו״ז ח״ט״י ל״נ״ם ע״צ״ק simbolizam também doze pontos oblíquos: altura leste, nordeste,profundidade leste, altura sul, sudeste,profundidade sul, altura oeste, sudoeste, profundidade oeste,altura norte, noroeste, profundidade Norte. Eles cresceram mais e mais amplos por toda a eternidade, e estes são os limites do mundo.

משנה ב . ‎

‏שְׁתֵּים עֶשְׁרֵה פְשׁוּטוֹת הו״ז חט״י לנ״ם עצ״ק‎

‏יְסוֹדָן שְׁנֵים עָשָׂר גְּבוּלֵי אֲלַכְסוֹן גְּבוּל מִזְרָחִית‎

‏רוֹמִית גְּבוּל מִזְרָחִית צְפוֹנִית גְּבוּל מִזְרָחִית תִַּחְתִּית‎

‏גְּבוּל דְּרוֹמִית רוֹמִית גְּבוּל דְרוֹמִית ימִזְרָהִית גְּבוּל‎

‏דְּרוֹמִית תַּחְתִּית גְּבוּל מַעֲרָבִית רוֹמִית גְּבוּל‎

‏מַעֲרָבִית דְּרוֹמִית גְּבוּל מַעֲרָבִית תַּחְתִּית גְּבוּל‎

‏צְפוֹנִית רוֹמִית גְּבוּל צְפוֹנִית מַעֲרָבִית גְּבוּל צְפוֹנִית‎

‏תַּחְתִּית וּמִתְרַחֲבִין וְהיֹלְכִין עַד עֲדֵי עַד וְהֵן הֵן‎

‏גְּבוּלוֹת עוֹלָם׃

SEÇÃO 3.


As doze letras simples
ה״ו״ז ח״ט״י ל״נ״ם ע״צ״ק , energia, tendo sido concebidas, criadas, combinadas, pesadas e mudadas por D´us, Ele fez por elas: doze constelações do mundo, doze meses no ano, e doze líderes (órgãos) do corpo humano, masculino e feminino.

משנה ג . ‎

‏שְׁתֵּים עֶשְׂרֵה פְשׁוּטוֹת הו״ז חט״י לנ״ם עצ״ק‎

‏יְסוֹדָן הָקְקָן חָצְבָן צָרְפָן שָׁקְלָן וְהֵמִירָן וְצָר בָּהֶם‎

‏שְׁתֵּים עֶשְׂרֵה מַזָּלוֹת בָּעוֹלָם שְׁנֵים עָשָׂר חֲדָשִׁים‎

‏בְּשָׁנָה שְׁנֵים עָשָׂר מַנְהִיגִים בְּנֶפֶשׁ זָכָר וּנְקֵבָה׃


SEÇÃO 4.


As doze constelações no mundo são: Áries, Touro, Gêmeos, Câncer, Leão, Virgem, Libra, Escorpião, Sagitário, Capricórnio, Aquário e Peixes. Os doze meses do ano são: Nisan, Iyar, Sivan, Tamus, Ab, Elul, Tishri, Marcheshvan, Kislev, Teves, Schevat e Adar. Os doze órgãos do corpo humano são: duas mãos, dois pés, dois rins, vesícula biliar, intestino delgado, fígado, esófago [39] ou esôfago, estômago e genitais.

משנה ד . ‎

‏שְׁתֵּים עֶשְׂרֵה מַזָּלוֹת בָּעוֹלָם טָלֶה שׁוֹר טְּאוֹמִום‎

‏סַרְטָן אַרְיֵה בְתוּלָה מֹאזְנַיִם עַקְרָב קֶשֶׁת גְּדִי דְלִי‎

‏דָגִים׃ שְׁנֵים עָשָׂר הֲדָשִׁים בְּשָׁנָה נִיסָן אִיָיר סִיוָן‎

‏תַּמּוּז אָב אֱלוּל תִּשְׁרִי חֶשְׁוָן כִּסְלֵן טֵבֵת שְׁבָט אֲדָר׃‎

‏שְׁנֵים עָשָׂר מַנְהִיגִים בְּנֶפֶשׁ זָכָר וּנְקֵבָה שְׁתֵּי יָדַיִם‎

( ‏שְׁתֵּי רַגְלַיִם שְׁתֵּי כְּלָיוֹת מָרָה דַקִּין כָּבֵד (קורקבן‎

‏גַּרְגֶּרֶת קְבָה טָחוֹל׃

SEÇÃO 5.


Primeira parte.

PRIMEIRA DIVISÃO. D´us deixou a letra ה predominar na fala, coroou-la, combinado umas com as outras, e formado por elas: Áries (O Carneiro) no mundo, o mês Nisan do ano, e o pé direito do corpo humano, masculino e feminino.

משנה ה . ‎

‏בָּבָא א׳ מֵהָא. הִמְלִיךְ אוֹת ה׳ בְּשִׂיחָה וְקָשַׁר לוֹ‎

‏כֶתֶר וְצָרְפָן זֶה בָזֶה וְצָר בָּהֶם טָלֶה בּעְוֹלָם וְבִיסָן‎

‏בְּשָׁנָה וְרֶגֶל יְמִין בְּנֶפֶשׁ זָכָר וּנְקֵבָה׃

SEÇÃO 6.


SEGUNDA DIVISÃO. Ele deixou a letra ו predominar no pensamento, coroou-la , combinando umas com as outras, e formado por elas: Touro (o boi) no mundo, o mês de Iyar do ano e do rim direito do corpo humano, do sexo masculino e feminino.

משנה ו . ‎

‏בָּבָא ב׳ מֵהָא. הִמְלִיךְ אוֹת י׳ בְּהִרְהוּר וְקָשַׁר לוֹ‎

‏כֶתֶר וְצָרְפָן זֶה בָזֶה וְצָר בָּהֶם שׁוֹר בְּעוֹלָם וְאיָיר‎

‏בְּשָׁנָה וְכוּלְיָא יְמָנִית בְּנֶפֶשׁ זָכָר וּנְקֵבָה׃

SEÇÃO 7.
TERCEIRA DIVISÃO. Ele deixou a letra ז‎ predominar no pé, coroou-la, combinando umas com as outras, e formado por elas: Gemini (os gêmeos) no mundo, o mês Sivan no ano, e o pé esquerdo do corpo humano, masculino e feminino.

משנה ז . ‎

‏בָּבָא ג׳ מֵהָא. הִמְלִיךְ אוֹת ז׳ בְּהִלּוּךְ וְקָשַׁר לוֹ‎

‏כֶתֶר וְצָרְפָן זֶה בָזֶה וְצָר בָּהֶם בְּאוֹמִים בְּעוֹלָם וְסִיוָן‎

‏בְּשָׁנָה וְרֶגֶל שְׂמֹאל בְּנֶפֶשׁ זָכָר וּנְקֵבָה׃

SEÇÃO 8.
Segunda parte.

PRIMEIRA DIVISÃO. Ele deixou a letra
ח predominar na visão coroou-la, combinados umas com as outras, e formado por elas: Cancer (o Caranguejo) no mundo, o mês Tamus no ano, e a mão direita do corpo humano, masculino e feminino.

משנה ח . ‎

‏בָּבָא א׳ מִן הַשְּׁנִיָּה. הִמְלִיךְ אוֹת ח׳ בִּרְאִיָּה וְקָשַׁר‎

‏לוֹ כֶתֶר וְצָרְפָן זֶה בָזֶה וְצָר בָּהֶם סַרְטָן בְּעוֹלָם‎

‏וְתַמוּז בְּשָׁנָה וְיַד יְמִין בְּנֶפֶשׁ זָכָר וּנְקֵבָה׃

SEÇÃO 9.

SEGUNDA DIVISÃO. Ele deixou a letra ט predominar na audição, coroou-la, combinado umas com as outras, e formado por elas: Leo (o Leão) no mundo, o mês de Ab do ano, e no rim esquerdo do corpo humano, masculino e feminino.

משנה ט . ‎

‏בָּבָא ב׳ מִן הַשְּׁנִיָּה. הִמְלִיךְ אוֹת ט׳ בִּשְׁמִיֹעָה‎

‏וְקָשַׁר לוֹ כֶתֶר וְצָרְפָן זֶה בָזֶה וְצָר בָּהֶם אַרְיְה בְּעוֹלָם‎

‏וְאָב בְּשָׁנָה וְכוּלְיָא שְׂמָאלִית בְּנֶפֶשׁ זָכָר וּנְקֵבָה׃

SEÇÃO 10.


TERCEIRA DIVISÃO. Ele deixou a letra י predominar no trabalho, coroou-la, combinando umas com as outras, e formado por elas: Virgo (Virgem) no mundo, o mês de Elul do ano, e a mão esquerda do corpo humano, masculino e feminino.

משנה י . ‎

‏בָּבָא ג׳ מִן הַשְּׁנִיָּה. הִמְלִיךְ אוֹת י׳ בְּמַעֲשֶׂה וְקָשַׁר‎

‏לוֹ כֶתֶר וְצָרְפָן זֶה בָזֶה וְצָר בָּהֶם בְּתוּלָה בְּעוֹלָם‎

‏וֶאֱלוּל בְּשָׁנָה וְיַד שְׁמֹאל בְּנֶפֶשׁ זָכָר וּנְקֵבָה׃

SEÇÃO 11.

Terceira parte.

PRIMEIRA DIVISÃO. Ele deixou a letra ל predominar na reprodução, coroou-la, combinando umas com as outras, e formado por elas: Libra (a Balança) no mundo, o mês Tishri no ano, e a vesícula biliar do corpo humano, masculino e feminino.

משנה י״א . ‎

‏בָּבָא א׳ מִן הַשְּׁלִישְׁית. הִמְלִיךְ אוֹת ל׳ בְּתַשְׁמִישׁ‎

‏וְקָשַׁר לוֹ כֶתֶר וְצָרְפָן זֶה בָזֶה וְצָר בָּהֶם מֹאזְנַיִם‎

‏בְּעוֹלָם וְתִשְׁרִי בְּשָׁנָה וּמָרָה בְּנֶפֶשׁ זָכָר וּנְקֵבָה׃

SEÇÃO 12.


SEGUNDA DIVISÃO. Ele deixou aletra
נ‎ predominar no olfato, coroou-la, combinando umas com as outras, e formado por elas: Escorpio (o Escorpião) no mundo, o mês Marcheshvan no ano, e do intestino delgado do corpo humano, masculino e feminino.

משנה י״ב . ‎

‏בָּבָא ב׳ מִן הַשְּׁלִישִׁית. הִמְלִיךְ אוֹת נ׳ בְּרֵיהַ וְקָשַׁר‎

‏לוֹ כֶתֶר וְצָרְפָן זֶה בָזֶה וְצָר בָּהֶם עַקְרָב בְּעוֹלָם‎

‏וּמַרְחֶשְׁוָן בְּשָׁנָה וְדַקִּין בְּנֶפֶשׁ זָכָר וּנְקֵבָה׃

SEÇÃO 13.


TERCEIRA DIVISÃO. Ele deixou a letra ס predominar no sono, coroou-la, combinando umas com as outras, e formado por elas: Sagittarius (o Arqueiro) no mundo, o mês Kislev no ano, e o estômago do corpo humano, masculino e feminino.

משנה י״ג . ‎

‏בָּבָא ג׳ מִן הַשְּׁלִישִׁית. הִמְלִיךְ אוֹת ס׳ בְּשֵׁנָה‎

‏וְקָשַׁר לוֹ כֶתֶר וְצָרְפָן זֶה בָזֶה וְצָר בָּהֶם גְּדִי בְעוֹלָם‎

‏טֵבֵת בְּשָׁנָה וְכָבֵד בְּנֶפֶשׁ זָכָר וּנְקֵבָה׃


SEÇÃO 14.

Quarta parte.


PRIMEIRA DIVISÃO. Ele deixou a letra ע predominar na raiva, coroou-la, combinando umas com as outras, e formado por elas: Capricornus (o Capricórnio) no mundo, o mês Teves no ano, e o fígado no corpo humano, masculino e feminino.

משנה י״ד . ‎

‏בָּבָה א׳ מִן הָרְבִיעִית. הִמְלִיךְ אוֹת ע׳ בְּרוֹגֶז‎

‏וְקָשַׁר לוֹ כֶתֶר וְצָרְפָן זֶה בֶה וְצָר בָּהֶם גְּדִי בְעוֹלָם‎

‏טֵבֵת בְּשָׁנָה וְכָבֵד בְּנֶפֶשׁ זָכָר וּנְקֵבָה׃

SEÇÃO 15.


SEGUNDA DIVISÃO. Ele deixou a letra צ predominar na deglutição, coroou-la, combinando umas com as outras, e formado por elas: Aquário (o carregador de água) no mundo, o mês Schwat no ano, e no esôfago do corpo humano , masculino e feminino.

משנה ט״ו . ‎

‏בָּבָא ב׳ מִן הָרְבִיעִית. הִמְלִיךְ אוֹת צ׳ בִּלְעִיטָח‎

‏וְקָשַׁר לוֹ כֶתֶר וְצָרְפָן זֶה בָזֶה בָּהֶם דְּלִי בְעוֹלָם‎

‏וּשְׁבָט בְּשָׁנָה (נְקוּרְקְבָן) וְגַרְגֶּרֶת בְּנֶפֶשׁ זָכָר וּנְקֵבָה׃

SEÇÃO 16.


TERCEIRA DIVISÃO. Ele deixou a letra ק predominar no riso, coroou-la, combinando umas com as outras, e formado por elas: Pisces (os Peixes) no mundo, o mês Adar no ano, e as genitais do corpo humano, masculino e feminino.

Fê-las como um conflito, chamou-as como um muro, e definiu uma contra a outra, como na guerra.

משנה ט״ז . ‎

‏בָּבָא ג׳ מִן הָרְבִיעִית. הִמְלִיךְ אוֹת ק׳ בְּשְּׂהוֹק‎

‏וְקָשַׁר לוֹ כֶתֶר וְצָרְפָן זֶה בָזֶה וֶצָר בָּהֶם דָּגִים בְּצוֹלָם‎

‏וְעֲדָר בְּשָׁנָה וּטְחוֹל בְּנֶפֶשׁ זָכָר וּבְקֵבָה עָשְׂאָן כְּמִין‎

‏עֲרֵיבָה* סִידְרָן כְּמִין חוֹמָה עָרְכָן כְּמִין מִלְחָמָה׃‎

‏*) נ״א מְרִיבָה אוֹ מְרִינָה׃

CAPÍTULO VI.

SEÇÃO 1.

Estas são as três mães ou os primeiros elementos, א״מ״ש‎ a partir dos quais emanaram três progenitores; o ar primitivo , água e fogo, e dos quais emanou a sua prole, três progenitores e seus descendentes, a saber: os sete planetas e seus hospedeiros, e os doze pontos oblíquos.

פרק ששׁי . ‎

‏משנה א . ‎

‏עֵלוּ הֵם שָׁלשׁ אִמּוֹת אֱ״מֵ״שׁ וְיָצְאוּ מֵהֶם שְׁלשָׁח‎

‏אָבוֹת וְהֵם אַוֵּיר וּמַיִם וְאֵשׁ וּמֵאָבוֹת תּוֹלְדוֹת שְׁלשָׁה‎

‏אָבוֹת וְתוֹלְדוֹתֵיהֶם וְשִׁבְעָה כּוֹכָבִים וְצִבְאוֹתֵיהֶם‎

‏וּשְׁנֵים עָשָׂר גִּבוּלֵי אֲלַכְסוֹן׃

SEÇÃO 2.


Para confirmar isto, existem testemunhas fiéis, o mundo,o ano e os homens, os doze, o Equilíbrio, o sete, que D´us regulamenta como o Dragão [40] (Tali),a esfera e o coração.

משנה ב . ‎

‏רַאֲיָה לַדָּבָר עֵדִים נֶאֱמָנִים בָּעוֹלָם שָׁנָה גֶפֶשׁ‎

‏וּשְׁנֵים עָשָׂר חָק וְשִׁבְעָה וּשְׁלשָׁה וּפָקְדָן כְּתֵלִי‎

‏וְנַלְנַּל וָלֵב׃

SEÇÃO 3.


Os primeiros elementos
א״מ״ש‎ são o ar, a água e o fogo, o fogo está acima, a água abaixo, e uma lufada de ar estabelece o equilíbrio entre eles. Para uma ilustração pode servir, o fogo que transporta a água é o caráter fonético de מ que é mudo e ש é sibilante como o fogo, há א entre elas, uma lufada de ar que os coloca em equilíbrio. [41]

משנה ג . ‎

‏שָׁלשׁ אִמּוֹת אֱ״מֵ״שׁ אַוֵּיר אֵשׁ וּמַיִם אֱשׁ לְמַעֲלָה‎

‏וּמַיִם לְמַטָּה וְאַוֵּיר רוּהַ חָק מַכְרִיעַ בִּנְתַּיִם וְסִימָן‎

‏לְדָבָר הָאֵשׁ נוֹשֵׁא אֶת הַמַּיִם מ׳ דוֹמֶמֶת שׁ׳ שׁוּרֶקֶת‎

‏א׳ אַוְּיר רוּחַ חָק מַכְרִיעַ בִּנְתַּיִם׃

SEÇÃO 4.


Dragão (Tali) está no mundo como um rei em seu trono, a esfera é, no ano como um rei no império, e o coração é no corpo humano como um rei [42] na guerra.

משנה ד . ‎

‏תָּלִי בְּעוֹלָם בְּמֶלֶךְ עַל כִּסְאוֹ גַלְגַּל בְּשָׁנָה כְּמֶלֶךְ‎

‏בִּמְדִינָה* לֵב בְּנֶפֶשׁ כְּמֶלֶךְ בְּמִלְחָמָה׃‎

‏*) נ״א עַל חוֹמָה׃

SEÇÃO 5.


D´us colocou também um contra o outro, o bem contra o mal, e o mal contra o bem, o bem procede do bem e do mal do mal; o bem purifica o mau, e o mau o bem; o bem é preservado para o bons e o mal para os maus.

משנה ה . ‎

‏גְּם אֶת זֶה לִעֻמְּת זֶה עָשָׁה אֱלהִים טוֹב לִעֻמַּתִ‎

‏רָע רָע לִעֻמַּת טוֹב טוֹב מִטּוֹב רָע מֵרָע הַטּוֹב‎

‏מַבְחִין אֶת הָרַע וְהָרַע מַבְחִין אֶת הַטּוֹב טוֹבָה‎

‏שְׁמוּרָה לַטּוֹבִים וְרָעָה שְׁמוּרָה לָרָעִים׃

SEÇÃO 6.


Há três dos quais cada um deles representa por si só, um está na afirmativa, outra negativa e o outro os equaliza.

משנה ו . ‎

‏שְׁלשָׁה כָּל אֶחָד לְבַדוֹ עוֹמֵד אֶחָד מְזַכֵּה וְאֶחָד‎

‏מְהַיֵּיב וְאֶחָד מַכְרִיעַ בַּנְתַּיִם׃

SEÇÃO 7.


Há sete dos quais três são contra três, e um coloca-los em equilíbrio. Há doze que estão o tempo todo em guerra, três deles produzem amor, e três ódio, três são animadores e três destruidores.

משנה ז . ‎

‏שִׁבְעָה שְׁלשָׁה מוּל שְׁלשָׁה וְאֶחָד בַכְרִיעַ בִּנְתַּיִם‎

‏וּשְׁנֵים עָשָׁר עוֹמְדִין בַּמִּלְחָמָה׃ שְׁלשָׁה אוֹהֲבִים‎

‏שְׁלשָׁה שׂוֹנְאִים שְׁלשָׁה מְחַיִּים וּשְׁלשָׁה מְמִיתִים׃

SEÇÃO 8.

Os três que produzem o amor são o coração e os ouvidos, os três que produzem o ódio produz são o fígado, a vesícula biliar e da língua, os três animadores são as duas narinas e as genitais e os três destruídores são a boca e as duas aberturas de o corpo, e D´us, o Rei fiel, sobre todas as regras de sua santa habitação para toda a eternidade. Ele é um acima dos três,os três estão acima dos sete, e os sete estão acima dos doze, e todos são ligados entre si.

משנה ח . ‎

‏שְׁלשָׁה אוֹהֲבִים הַלֵב וְהָאָזְנַיִם שְׁלשָׁה שׂוֹנְאִים‎

‏הַכָּבֵד הַמָּרָה וְהַלָּשׁוֹן שְׁלשָׁח מְהַיִּים שְׁנֵי נִקְבֵי הָאַף‎

‏וְהַטְּחיֹל וּשְׁלשָׁה מְמִיתִים שְׁנֵי הַנְּקָבִים וְהַפֶּה וְאֵל‎

‏מֶלֶךְ נֶאֱמָן מוֹשֵׁל בְּבֻלָּם מִמְּעוֹן קָדְשׁוֹ עַד עֲדִי עַד‎

‏אֶחָד עַל גֵּבֵּי שְׁלשָׁה שְׁלשָׁה עַל גֵבֵּי שִׁבְעָה שִׁבְעָה‎

‏עַל גֵּבֵּי שְׁנֵים עָשָׁר וְכֻלָם אֲדוּקִים זֶה בָזֶה׃

SEÇÃO 9.


Existem [43] vinte e duas letras pelas quais Eu Sou, Yah, o Senhor dos Exércitos,o Todo-Poderoso e Eterno, concebeu, criou e formou por três Sepharim, o mundo inteiro, e formado por eles todas as criaturas como também as que vão ser formadas no tempo vindouro.

משנה ט . ‎

‏אֵוּ הֵם עֶשְׂרִים וּשְׁתַּיִּם אוֹתִיּוֹת שֶׁבָּהֶן הָקַק אֱהְיֶה‎

‏יָהּ יְּהוָֹה צְבָאוֹת אֶל שַׁדַּי יְהוָֹה אֱלהִׁים וְעָשָׂה מֵהֶם‎

‏שְׁלשָׁה סְפָרִים וּבָרָא מֵהֶם אֶת כָּל עוֹלָמוֹ וְצָר בָּהֶם‎

‏אֶת כָּל הַיְּצוּר וְאֶת כָּל הֶעָתִיד לָצוּר׃

SEÇÃO 10.


[44] Quando o patriarca Abraão compreendeu a grande obviedade, que girava em sua mente, concebeu-a perfeitamente, feitas investigações cuidadosas e profundas meditações, ponderou em cima delas e conseguiu contemplações, o Senhor do Universo lhe apareceu, e chamou-lhe de seu amigo, fez com ele uma aliança entre os dez dedos das mãos, que é a aliança da língua, [45] e do pacto entre os dez dedos dos pés, que é o pacto da circuncisão, e disse dele: "Antes que te formasse no ventre te conheci. " (Jer. I, 5.)

משנה י . ‎

‏וּכְשֶׁהָבִין אַבְרָהָם אָבִינוּ וְהִבִּיט וְֹרָאָה וְחָקַק וְחָצַב‎

‏וְעָלְתָה בְיָדוֹ נִגְלָה עָלָיו אֲדוֹן הַכֹּל וְקָרְאוֹ אוֹהֲבִי‎

‏וְכָרַת לוֹ בְרִית בֵּין עֶשֶׂר אֶצְבְּעוֹת יָֹדָיו וְהוּא בְרִית‎

‏הַלָּשׁוֹן וּבֵין עֶשֶׂר אֶצְבְּעוֹת רַגְלָיו וְהוּא בְרִית הַמִּילָה‎

‏וְקָרָא עָלָיו בְּטֶרֶם אֶצָרְךָ בַבֶּטֶן יְדַעְתִּךָ׃ * ‎

‏*) נ״א וְקָשַר עֶשְׂרִים וּשְׁתַּיִם אוֹתִיוֹׁתּ בִּלְשׁוֹנוֹ וְנִלָּה לוֹ אֶת יְסוֹוָץ‎

‏מָשְׁכָן בַּמַּיְם דָלְקָן כָּאֵשׁ רָעֲשָׁן בְּרוּתַ בָּעֲרָן בְּשִׁבְעָה נֶהֱנָן בִּשְׁתֵּים עֶשְׂרֵת‎

‏מַוָלוֹת׃‎

‏סליק פרקא. וסליק ספר יצירה׃

NOTAS

1) Nosso autor sustenta que existe um primeiro inteligente, auto-existente, Todo-Poderoso, causador da decisão eterna para todas as coisas, e de uma eterna entidade produzindo a nulidade por uma progressão de efeitos. O divino conhecimento, acrescenta ele, difere do conhecimento humano em um grau tão intenso que dá existência a tudo o que é. חקק יח ח״ צבאות é uma expressão Talmudica . (Ver Tratado Bava Bathra p. 93.) Parece-me, que o autor não só quis contradizer a afirmação de Platão de que o Supremo tinha necessidade de um plano, como o arquiteto humano, para realizar o grande projeto, quando ele fez o tecido do Universo, mas também a comum crença de que as razões e atos de D´us são por idéias parecidas com o de um ser humano. Como o profeta Isaías exclamou: "Eis que as ideias de D´us tem Não são as suas nem os Seus caminhos como os teus. "(Isaías 55, 8-9).

2) O número trinta e dois não é apenas a quinta potência de dois, é a soma de dez unidades e vinte e duas letras, mas também é a soma da primeira e última letra do Pentateuco hebraico, a saber בּ‎(2) e ל(30)ל, igual.a trinta e dois. (Veja Kusari p. 343, traduzido para o alemão pelo Dr. David Cassel.)

3) Caminhos denotam poderes, efeitos, tipos, formas, graus ou fases.

4) Estes Sepharim ou três palavras de expressão semelhante significam: primeiro, número, cálculo ou uma idéia, em segundo lugar, a palavra, em terceiro lugar, a escrita da palavra *. A idéia, palavra e escrita (da palavra), são sinais para o homem para uma coisa, e não é a coisa em si, ao Criador, no entanto, idéia, palavra e escrita (da palavra) são a coisa em si, ou como alguns rabinos antigos observaram: ",‏מחשבח דביר ימעשה הכל הרא דבו אחד בהק״ב״ה״idéia, palavra e obra são uma e a mesma coisa para D´us." Há um mundo ideal no intelecto divino, segundo a qual este mundo sensível foi feito. A diferença entre a forma humana e divina de pensar não admite comparação.

5) Isto significa que não havia qualquer hyle [mátéria] existente desde toda a eternidade, contendo diferentes tipos de átomos primitivos ou moléculas etc, como o filósofo grego Anaxágoras, ensinou, mas que todas as coisas são emanações gradual de um ser eterno. Esta ideia é, simbolicamente, explicada no próximo parágrafo.

6) O projeto do autor é, evidentemente, para deduzir a prova da década compreendida entre os fenômenos da natureza do homem, que é geralmente considerada a coroa ou a causa final da criação terrestre, e para quem D´us concedeu os dois dons mais preciosos, a saber: a palavra articulada, e o elemento religioso ( pureza espiritual ). Essa passagem é explicada por Isaac Satanow em seu Dicionário Hebraico intitulado Sephath Emeth, p. 44, b:

דחנח הלשין הוא עט סופר לתולדות חשכלים ואבר המוליד‎

‏לתולדות החמריים ובל אחד הוּא ברית עולם לקיים את האדם‎

‏לפליטה נצחרת על שתי צלעותיו חמרו וצורתו האי כדאיתיח‎

‏והאי כדאיתיה זה בחמרו וזה בצורתו

A língua é, por assim dizer, a caneta descritiva de todas as questões espirituais, e as partes genitais são as autoras das substâncias corporais. Cada um deles é uma aliança eterna, a fim de preservar a raça humana para sempre, de acordo com seu duplo ser: corpo e espírito. Cada um útil da sua maneira, fisicamente e espiritualmente.

7) Como Pitágoras, ensinou que os dígitos inclusive o número dez, são tipificadas em Tetraktys, (Τετρακτς), nomeadamente: 1 mais 2 mais 3 mais 4 igual a 10, e que compreendem todo o sistema aritmético da natureza, etc. Nosso autor procura mostrar a emanação gradual de todas as coisas a partir de D´us, que foram completamente terminadas em dez esferas.

8) Minha leitura em hebraico é: ‏והושב יוצר עלExistem várias leituras, portanto Postellus proferiu: "restitue figmentum in locum suum "; Rittangel: ", restitue formatorem in throno suo;" Pistorius:, " fac sedere creatorem in throno suo. " O autordemonstra aqui o ridículo dos Gnósticos que sustentavam que o Demiurgo foi o criador do homem e do mundo sensual.

9) Em D´us está no início e ele é o limite do Universo. Compare também com o tratado do Talmud Chagigah p. 12.

10) Aqui está em contradição com o sistema de diteísmo, consistindo de um D´us eterno, o Autor de todo bem e de "Hyle" [Satanás], disse o co-eterno e co-igual princípio do mal, alegando que um D´us todo-perfeito é o único autor de todo o bem e de todo o mal, e tem em sua infinita sabedoria tão maravilhosamente planejado a natureza das coisas, que o mal físico e moral, pode produzir o bem, e, consequentemente, contribuir para a realização do grande projeto do Ser Supremo. Compare também Cap. 6 § 5 ..

11) Como a série infinita de números começa a partir de uma unidade, foi assim que todo o Universo formou uma unidade, que se centra na Divindade.

12) O significado é que, como os seres vivos que o profeta viu em sua visão, foram atacadas com uma tal admiração, que não podiam ir mais longe para ver a glória divina, e tinham de regressar, por isso é a década[o número 10] um segredo eterno para nós e não estamos autorizados a compreendê-lo. Encontramos esta ideia muito no sistema de Pitágoras. Os discípulos de Pitágoras olhavam para a década como um número sagrado, e juravam por ele e pelo Tetraktys que continha o número dez,

13) Ver supra nota 1, D´us, a idéia e a palavra são indivisíveis.

14)Eu adotei aqui a leitura de Judá Halevi, a saber:

חקק וחצב בהו‎

‏בהו רפש וטיט וגו

com exceção do תהו palavra, porque é evidente em "Yezirah", Chap. II, que o autor identifica a palavra "Tohu," com "nada", e não alguma coisa, como Judah Halevi erroneamente pensou. Moisés Butarel e outros dizem-nos que ele tinha diante de si uma cópia correta do "Sepher Yezirah", onde se lê:

תהו זה קו ירוק וכו׳ בהו אלו אבנים‎

‏מפולמות׃

A mesma passagem é mencionada no Talmud no tratado de Chagigah, p. 12, a, com a adição de:

המשוקעות בתהום שמהן יוצאין‎

‏מים

A palavra חמפולמותpalavra é traduzida por Rashi, úmido. Alguns dizem que é uma palavra composta de מפול מות, outros de פלוני אלמוני, etc Mas a palavra não é de origem semita, é, segundo a minha opinião, emprestada do grego como a palavra סימן, etc, dilúvio Πλημη. אבנים מפלמותpedras do dilúvio. A mesma palavra é usada no tratado de Beza, p. 24, b, דגים המפולמין peixes que são capturados a de fora do dilúvio.

15) Segundo o autor, o espaço e as seis dimensões emanaram do éter.

16) Judah Halevi em seu livro intitulado "Kusari", p. 456, ilustra-o assim: O Criador é um, e o espaço tem na expressão figurativa seis dimensões. O livro "Yezirah", tendo atribuído ao Criador alguns nomes na linguagem espiritual, escolhe agora na linguagem humana dos melhores sons que são, por assim dizer, os espíritos dos outros sons, ou seja: "‏הוי‎" e diz , que quando a vontade divina foi expressa por um nome tão sublime, tornou-se o que o Altíssimo pelo elogio pretendia evocar acordo com a combinação de "‏הוי‎" .Daqui se segue, que o mundo material foi criado como uma maneira e forma que corresponde com o material, isto é, pelo nome espiritual sublime, que corresponde com o nome do material, יהו, יוה, הוי, היו, ויה, והי,‎ e fora de cada um deles tornou-se uma dimensão do mundo , a esfera.

17) O autor mostra aqui com o símbolo de uma escala e do carácter fonético das letras fundamentais, א״מ״ש‎ que as forças opostas em cuja luta prevalece a menor, bem como nos maiores círculos de criação são apaziguados e calmos.

18) Significando saída, liberação do poder criativo, formações.

19)A palavra ענג significa alegria, e quando transposta, formando a palavra נגע‎ ela significa exatamente o contrário, problemas, peste. Ele quer dizer que as letras das palavras ענג‎ e נגע são as mesmas, mas elas significam, no entanto, as idéias opostas por causa da transposição. Assim como a esfera permanece a mesma durante a rotação em seu eixo em seu entorno e na sua subida, ainda que nos aparente como se tivesse sofrido uma grande mudança em virtude da sua posição diferente.

20) Minha leitura é עָרְפָן שָׁקְלָן וְחֵמִיוָן‎.

21) A combinação das vinte e duas letras sem permutação é representada na tabela a seguir:


22) O número de combinações das vinte e duas letras dois a dois sem qualquer permutação é de acordo com a fórmula matemática:


23) Os antigos filósofos sustentaram que, se D´us é a causa primeira, e Ele é necessariamente, Ele, o efeito imediato dele, como a unidade absoluta, só pode ser novamente uma unidade. Então,de um ser que está em todas as coisas, um ser único, só pode emanar um ser; porque a emissão das coisas por dois conjuntamente seria essencialmente e realmente diferente do que a de um ser, eles só poderiam advir de dois tipos diferentes de substância, que seria, por conseguinte admitir uma divisão que é inconcebível. Em seguida, colocar a questão, de como vieram tantos seres diferentes a existência? Nosso autor, portanto, se esforça para mostrar que todo o universo emanou gradualmente do espírito do único D`us vivo.

24) A leitura de Von Jo. Meyer e outros, é o seguinte:

יצר מתוחו‎

‏ממש ועשח אינו ישנו והצב עמודימ גדולימ מאויר שאינו נתפס‎

‏ויח סימן צופח ומימר עושח כל הּיצור ואת כל הדברים בשמ אחר‎

‏וסימן לדבר עשרים ושתים מניינם דגוף אחג׃

Minha leitura de acordo com um manuscrito do rabino Isaac Luria, que eu teria preferido a todos os outros, é assim:

יצר ממש מתוהו ועשה את אינו ישנו וחצב עמודים גדולים‎

‏מאדיר שאינו נתפס וזח סימן אות א עם כולן וכולן עם א צופה‎

‏ומימר ועשח את כל היצור ואת כל חדבור שם אחד וסימן לדבר‎

‏עשרומ ושתים חפצים בגוף א

25) Já foi mencionado acima Chap. I, § 1 º, de D´us, que a Sua idéia e a Sua palavra é uma unidade, daí o autor identifica a letra Aleph no ar a partir do qual emanou a expressão criativa, etc

26) Aqui se entende: o ar etéreo, água etérea, fogo etéreo, o macrocosmo, os cursos do tempo e do microcosmo. Muitos descendentes ou derivações vieram os três últimos, como seus progenitores, como é explicado mais tarde no capítulo.

27) O autor procura mostra como a palavra divina criativa tornou-se mais condensada e como de uma nova série de produções saíram de três elementos.

28) A frieza em tempos antigos era considerada uma substância. [Veja o Salmo 147, 17.]

29) identificado como, Fez o poder reinante.

30) Ou seja, com os dois outros elementos.

31) Ou seja, uma combinação de diferentes elementos.

32) Segundo a opinião do autor, pode ser disposta da seguinte forma:




33) A pronúncia aspiração do ρ em grego, foi adotada pelos judeus na Palestina antiga para a letra hebraica ר. Eles pronunciavam-na em parte aspirada e em parte não aspirada. Lehr [Ver Dr. Geiger Lese-und-buch der Mischnah, p. 22, e Gnosticismus Dr. Graetz, o p. 117.]

34) De acordo com a idéia de nosso autor, emanava da unidade de D´us três elementos etéreos: o ar primitivo do espírito, do ar, a água primitiva, da água, o fogo primitivo ou éter, de onde vieram as outras esferas da existência de um número significativo e muito importante, sete, dos quais descendem esferas menores e que produziram mais outros. Ele se esforça para mostrar como o ideal tornou-se, após inúmeras emanações, mais condensado, palpável e concreto. A criação inteira é assim considerada como uma pirâmide, terminando em um ponto no topo com uma base alargada. [Ver Gnosticismus Dr. Graetz, o p. 224.]

35) Compare Capítulo I, Seção 3, Nota, 8.

36) A ordem dos planetas (incluindo o Sol) é indicado aqui de acordo com o sistema de Ptolomeu, que estava em voga, mesmo entre os homens sábios até meados do século XV, a saber: Lua, Mercúrio, Vênus, Sol, Marte, Júpiter e Saturno. Mas este acordo é, sem dúvida, uma interpolação posterior, como o autor do livro "Yezirah" viveu muitos anos antes de Ptolomeu. E, de fato Prof Jo. Friedrich Von Meyer e outros da autoridade de confiança tinham em suas cópias de "Yezirah" para o seguinte:. חמח ניגח כוכב לבנה שבתי צדק מאדינ‎ Marte, Júpiter, Saturno, Lua, Mercúrio, Vênus, Sol ..

37) Philo (Allegor 1, 42,) depois de ter chamado a atenção para o fato de que o Heptade [Sete] pode ser encontrado em muitas leis bíblicas, nas vogais da língua grega, em toda a gama e nos órgãos do corpo humano, exclama , semelhante ao nosso autor: "A natureza exulta em todo o Heptade!"

38) A regra de permutação é a seguinte: (n - 1) n. 1 x 2 x 3 x 4 x 5 x 6 x 7 = 5040. Em nossa edição lê-se: חמשת אלפים וארבע בתימ cinco mil e quatro casas, o que obviamente é um engano, deve ler-se: 5040 casas. .חמשת אלפים וארבעם בתים‎

39) Eu leio גרגרת‎ em vez de קורקובן por duas razões. Em primeiro lugar, A mesma coisa é mencionado mais tarde, e em segundo lugar, é provado pelo לעיטה expressão que o autor quis dizer גרגרת‎ e não קורקובן.

40) Alguns afirmam que a expressão Tali é entendida constelação do Draco ou Dragão, que é uma constelação muito grande que prorroga por uma grande extensão de leste a oeste, no início da cauda que se situa a meio caminho entre os ponteiros e da Estrela Polar, e sinuosas e volta entre a Ursa Maior e menor por uma sucessão contínua de estrelas brilhantes entre 5-10 graus de distância, ele circunda sob os pés da Ursa Menor, se estende em volta do pólo eclípticamente, e termina em um trapézio formado por quatro estrelas noveis entre 30-35 graus do Pólo Norte. Dr. Steinshneider (ver fuer Literatur Magazin des Auslandes, 1845) e Dr. Cassel (em seu comentário ao livro intitulado Kusari,) afirmam que os antigos judeus astrônomos entendiam pela palavra Tali, não a constelação de Draco, mas a linha que une os dois pontos em que a órbita da Lua intercepta a cabeça da eclíptica (Dragon's e cauda). Dr. Cassel é de opinião que o nosso autor quis dizer aqui, provavelmente, o invisível, celeste ou universal eixo que transporta todo o Universo.

41) Nosso autor quer dizer que a água tem uma grande disposição de unir-se com o calórico, assim, por exemplo, é o fogo latente no vapor, mas o ar os equilibra.

42) O significado é, como D´us é o centro do Universo, para ter o macrocosmo, as estações do ano e da temperatura e do microcosmo, os seus centros recebem energia a partir do centro principal que os controla e coordena.

43) O conteúdo desta Mishnah é mencionada no tratado do Talmud de Berachoth, p. 55, a. Onde se lê:

אמר רב יחידח אמר רב יודע חיה‎

‏בצלעל לצרף אותיות שנבראו בהן שמיס וארץ׃

"Rab Jehudah declarou, em nome de Rab, que Bezalel sabia como combinar as letras, pelas quais o céu e a terra foram criados." Para isso o comentarista Rashi acrescenta: "como é ensinado no livro Yezirah". É, sem dúvida, a certeza de que o livro Yezirah, ou uma cosmogonia, pois é ali representada, era conhecida por Rab, que era um discípulo de Jehudah HaNassi, durante a segunda parte do segundo século. (C. E.) Ver Berachoth tratado, p. 55-A, onde o comentarista Rashi refere ao livro Yezirah.

44) Este parágrafo inteiro é uma interpolação de um autor desconhecido, isto pode ser facilmente comprovado

45) Tenho traduzido de acordo com a leitura do rabino Yehuda. A leitura do rabino Luria é a seguinte:

וקשר עשרים ושתים אותיות‎

‏בלשונו וגילח לו את סודו משכן במים דלקן באש רעשן בויח בערן‎

‏בשבעח נהגין בשנים עשר

"Prendeu vinte e duas letras em sua língua e lhe revelou seu mistério, ele desenhou- as por água, acendeu-lhes fogo e trovejou-as pelo vento, Acendeu-lhes por sete, e as ordenou por doze constelações." Pistor. escreve: "Tranat per aquam, accendit em signavit grandine igne in aere. Disposuit cum septem et cum duodecim gubernavit". Versão Postellus 'é: "Attraxit eam no aqua, accendit em spiritu, inflammavit em septem aptatum Signis cum duodecim". Meyer traduz: "Er zog sie mit Wasser, sie zündet um Feuer mit Geist mit erregte sie, vebrannte sie mit sieben, vai sie aus mit den swoelf Gestirnen".